Natalie Unterstell

Articulista de políticas públicas

Tem mestrado na Universidade de Harvard e graduação na Fundação Getulio Vargas (EAESP-FGV). Começou sua carreira na Amazônia, atuando no Instituto Socioambiental. Do Amazonas, foi para a Noruega e trabalhou com a Rainforest Foundation Norway, onde acompanhou a negociação entre Brasil e aquele país para a construção do Fundo Amazônia. Em seu retorno, se tornou coordenadora do primeiro centro público dedicado à política de mudança do clima, no governo do Amazonas. De 2011 em diante, foi negociadora do Brasil na Convenção Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima, tendo contribuído para alcançar acordo entre 195 países em um dos temas mais importantes para o Brasil (florestas). Natalie também liderou outros processos de construção de política pública no país, de 2015 em diante, como o mais ambicioso programa de adaptação a mudança do clima já realizado no Brasil, o Brasil 2040, como diretora na SAE/Presidência da República, e o plano de implementação brasileiro do Acordo de Paris, entre 2016 e 2018, como secretária adjunta do Fórum Brasileiro de Mudança do Clima. Atualmente, dirige um novo policy think and do tank dedicado a questões socioambientais, a Talanoa. É co-fundadora do Agora ! e membro da RAPS e da RenovaR, todas iniciativas dedicadas ao aprimoramento da democracia no Brasil. Ativa em mídias sociais, é uma frequente articulista e comentarista na imprensa nacional e internacional.

Artigos recentes
O Globo. Artigo: As duas crises no Brasil. Co-autoras: Ilona Szabó e Brenda Brito.
Americas Quarterly: Amazon Plan Has Actual Reasons for Hope.
Americas Quarterly: Brazil Doesn’t Have to Choose Between the Environment and the Economy
Folha de São Paulo. Artigo: Por uma resposta à altura da nossa potência ambiental. Co-autores: Paulo Gontijo.
Nexo. Artigo: Governo por atacado: a política de Bolsonaro para o meio ambiente.

  • Instagram
  • Facebook ícone social

© 2020 por mahina design

& bloom